Um fog de Pringles em Londres

Marca de batatas fritas lança máquina que lança no ar o aroma de seu produto mais popular


Edição 5 - 15.10.17

Uma gaveta de escritório capaz de se reabastecer de snacks automaticamente; papel com sabor; delivery de snacks com uso de drones. Essas foram algumas das sugestões apresentadas por consumidores de snacks na Inglaterra, segundo uma pesquisa realizada pela marca Pringles. Poucos imaginavam, porém, que a fabricante de batatas fritas daria vida a alguma dessas ideias futuristas. Em um ousado plano de marketing, a empresa expôs, no centro de Londres, máquina capaz de soltar no ar o aroma típico de uma batata Pringles. A ideia já vinha sendo prevista no segmento alimentício, mas a expectativa era de que fosse de fato desenvolvida por volta de 2037. A Pringles, no entanto, decidiu acelerar esse processo e, depois de um ano de pesquisa, apresentou sua máquina de aroma. O escolhido foi o de cebola, o preferido entre os ingleses.